fbpx
Compartilhe

Taxa de acordo por contato e taxa de acordo concluído: conheça as diferenças

5 minutos
Correspondente Bancário
Taxa de acordo por contato e taxa de acordo concluído

Uma cobrança eficiente se faz por meio de métodos muito bem preestabelecidos. Portanto, é necessário utilizar alguns indicadores para acompanhar a saúde das suas cobranças. Por isso, vamos te explicar dois deles: a taxa de acordo por contato e a taxa de acordo concluído.

Mas, antes de saber como aplicar essas técnicas, é necessário entender a importância dos indicadores na operação de recuperação de crédito.

O que são indicadores de cobrança?

A negociação de dívidas pode ser um grande desafio para você, mas ela pode acontecer de forma mais efetiva quando se sabe qual caminho seguir. Por isso, os indicadores auxiliam a operação nesse aspecto.

Também chamados de KPIs (Key Performance Indicators), os indicadores basicamente são métricas que  apontam o desempenho e resultados.

Os indicadores de cobrança permitem segmentar a sua carteira de clientes inadimplentes. Assim, encontrando um padrão e aplicando estratégias na operação.

Portanto, os indicadores na recuperação de crédito são parâmetros para avaliar a eficácia da estratégia, otimizando seu tempo, garantindo mais produtividade e, principalmente, resolvendo problemas.  

Por que utilizar indicadores de cobrança?

A taxa de inadimplência no Brasil é algo que sempre foi preocupante para o país. Apesar de uma redução pelo segundo mês consecutivo em 2023,  anunciada pelo Serasa, ela ainda continua sendo um ponto de alerta.

A expectativa é que o número reduza com o programa do Governo Federal, Desenrola Brasil. Porém, esses resultados só serão mensurados após um tempo de funcionamento do programa, iniciado em 17 de julho deste ano.

Mas e qual a relação do número de inadimplentes com a importância dos indicadores?

É muito simples! Observar esses fatores externos na sua operação de cobrança irá te ajudar a analisar melhor os indicadores e interpretá-los de maneira macro.

Sendo assim, é possível saber quais estratégias utilizar e ter mais sucesso no resultado final. Portanto, vamos dar ênfase a dois desses indicadores: a taxa de acordo por contato e a taxa de acordo concluído.

Taxa de acordo por contato

Não basta falar demais, tem que fechar contrato!

Essa é uma das frases que define esse indicador. Pois, de nada adianta usar muitas argumentações, falar, implorar,… se não tem uma estratégia válida que  resulte em contrato fechado.

A taxa de acordo por contato leva em consideração a porcentagem de acordos alcançados em relação ao CPC (Contato com  pessoa certa). 

O cálculo é feito da seguinte forma: 

Por exemplo, se o agente realizou 100 ligações no dia e dessas apenas 80 foram com a pessoa certa, você levará em consideração o CPC no seu cálculo. Considerando as 80 pessoas, foram fechados 50 acordos, então o cálculo realizado será 50/80=0,625, quase 63%. 

Para o processo da estratégia acontecer efetivamente, levamos em consideração:

  • Lista de contato atualizada: nesse ponto é imprescindível a atenção do gestor, pois, de nada adianta ter os melhores cobradores na equipe e não ter um mailing atualizado.
  • Contato com a pessoa certa: se o mailing estiver atualizado, o CPC acontecerá de forma mais natural. Consequentemente, se o contato com a pessoa certa é mais recorrente, será mais fácil tentar uma negociação.
  • CRM integrado: com as informações centralizadas é possível ter uma visão macro da situação do cliente. Sendo assim, as argumentações serão mais efetivas e as negociações ágeis.

Portanto, esse indicador mostra quantas abordagens progrediram para um fechamento de acordo após a cobrança extrajudicial.

Taxa de acordo concluído

Nem sempre os acordos são cumpridos por clientes inadimplentes. Por isso, a taxa de acordo concluído é também um indicador do sucesso da operação.

A taxa de acordo concluído diz respeito à porcentagem de acordos que foram fechados e pagos pelos devedores.

O cálculo dessa métrica é feito da seguinte forma: 

Por exemplo, se foram pagos 20 acordos no mês e estão vencendo 40 acordos no período, a conta será 20/40=0,5, ou seja, 50%. 

Para esse processo da estratégia acontecer efetivamente, levamos em consideração:

  • A forma de abordagem: ela deve ser educada, respeitosa e assertiva para explicar de forma clara a situação e propor o acordo. Ao fazer isso de forma eficiente, sua taxa de acordo por contato irá aumentar. 
  • Oferecer mais de uma forma de pagamento: isso aumenta a chance de ter um acordo fechado. Considere parcelamentos e descontos para incentivar os devedores a efetuarem o pagamento. 

Por fim, uma cobrança eficiente requer estratégia e comprometimento. Utilizando essas dicas você poderá aumentar sua taxa de acordo por contato e a taxa de acordo concluído. 

Acompanhe nosso blog e nos siga nas redes sociais para saber mais sobre como performar muito mais nas operações da sua empresa. Assim, você ficará por dentro de todas as novidades! 

Veja também

Configure e resolva problemas do seu headset | 3C Plus
Como melhorar o seu SAC
7 minutos
Correspondente Bancário
plugins premium WordPress

Descubra como o discador automático pode acelerar a produtividade da sua empresa

Descarte até 91% das chamadas improdutivas e economize tempo, dinheiro e esforços